Menu Home

Parcerias público-privadas

Busca

Ampliação das parcerias do Ramo Saúde com o Poder Público

Atualizado em 14.04.2022

Descrição

A Constituição Federal de 1988 prevê a possibilidade de parcerias entre o setor público e o privado no âmbito da saúde, de forma a garantir a universalização do serviço. Outros aspectos também devem ser levados em consideração, como a qualidade do serviço prestado, a capacidade técnica de atendimento e a eficiência na aplicação de recursos necessários ao bom funcionamento da saúde no Brasil. 

Acreditamos que as cooperativas de saúde são altamente capacitadas e vocacionadas para contribuir com os desafios enfrentados pelo Ministério e pelas Secretarias (Estaduais e Municipais) de Saúde, os quais tornaram-se mais agudos desde março de 2020, quando a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a pandemia da COVID-19.

Os desafios inerentes ao setor público brasileiro nos próximos anos demandam que os municípios busquem inovações em gestão pública para que a Atenção Primária à Saúde (APS) tenha sua capacidade operacional reequilibrada e redimensionada. Desta forma, as Parcerias Público-Privadas (PPPs) são ótimos veículos para que as cooperativas de saúde possam gerar valor para as cidades onde atuam e contribuir com o efetivo aprimoramento do ecossistema de saúde nos territórios por ela impactados.

 

Atores-chave

Ministério da Saúde e Ministério da Economia.

Receba nossas atualizações

Cadastre-se para receber as atualizações de nossos projetos, propostas e informativos!

INSCREVA-SE

Acompanhe nosso trabalho

Utilizamos cookies para avaliar as interações estabelecidas com nosso site, melhorar o seu desempenho e fornecer funcionalidades de redes sociais. Ao utilizar o nosso site você concorda com estes cookies. Saiba mais sobre a nossa Política de Privacidade clicando AQUI!

Você ainda pode desabilitar manualmente o uso dos cookies não essenciais, saiba como clicando AQUI.